You are here

Título de Professor Emérito atribuído a docente do ISA

Professor Catedrático Luís Santos Pereira receberá a distinção
foto

No próximo dia 27 de abril de 2017, no Salão Nobre da Reitoria da Universidade de Lisboa, pelas 17 horas, o Reitor da Universidade de Lisboa, Professor António Cruz Serra, entregará ao Professor Catedrático Jubilado do ISA, Luís Santos Pereira, o diploma correspondente ao título de Professor Emérito da Universidade de Lisboa.

Professor Emérito é a distinção honorífica que, a título excecional, a Universidade de Lisboa concede aos professores catedráticos ou associados, jubilados, aposentados ou reformados, que se distinguiram ao seu serviço pelo relevante contributo dado ao avanço do ensino, da ciência e da cultura.

É, por isso, um enorme orgulho para o Instituto Superior de Agronomia que a atribuição deste título ao Professor Catedrático Jubilado Luís Santos Pereira, proposta pelo seu Conselho Científico em janeiro de 2015, e aprovada em maio de 2015 pela Comissão para os Assuntos Científicos do Senado da Universidade de Lisboa, tenha sido homologada pelo Reitor da Universidade de Lisboa.

Com uma vasta carreira académica e científica, que iniciou em 1969, é nacional e internacionalmente reconhecido na área da engenharia rural, sobretudo no que respeita às áreas da rega, drenagem e gestão da água, onde detém várias centenas de publicações, tendo recebido inúmeros prémios e distinções.

Integra atualmente o Centro de Investigação em Agronomia, Alimentos, Ambiente e Paisagem - LEAF, sendo responsável pela Linha Temática “Coping with Climate Change and Water Scarcity”. Coordenou de 1994 a 2012 o Centro de Estudos de Engenharia Rural-CEER, do ISA, mais tarde designado por Centro de Engenharia dos Biossistemas.

Fora da academia tem contribuído para o desenvolvimento do país, bem como de outros países em desenvolvimento (e.g. Índia e China) com os seus projetos, pareceres e participações no Banco Mundial, UNESCO, FAO, ICID, NATO, CE e muitas outras Comissões ou Grupos de Experts estruturantes de vários investimentos e infra-estruturas nas áreas da rega, drenagem e gestão da água,na agricultura.

Foi o responsável pela organização e implementação da Direção-Geral de Hidráulica e Engenharia Rural do Ministério da Agricultura português, em 1977.

Formou e orientou várias gerações de investigadores e técnicos nas áreas da Rega, Drenagem e Conservação do Solo e da Água contribuindo, desta forma, para a utilização da ciência no desenvolvimento do(s) país(es).

A cerimónia de entrega deste título honorífico terá lugar por ocasião da Sessão Solene de Abertura das Comemorações do Centenário da Inauguração do Edifício Principal do Instituto Superior de Agronomia.

Consulte o Programa das Comemorações do Centenário AQUI.