You are here

Áreas de Investigação ForBio

A investigação do ForBio organiza-se em três áreas:

  • 1. Protecção dos ecossistemas contra agentes bióticos;
  • 2. Ordenamento dos ecossistemas ripícolas e das populações piscícolas;
  • 3. Serviços dos ecossistemas e sua avaliação económica.


1. Protecção dos ecossistemas contra agentes bióticos

Esta área inclui estudos sobre a ecologia de populações de artrópodes em florestas e agro-ecossistemas, com ênfase no controle biológico, nas relações hospedeiro-parasitóide e presa-predador, e ainda na monitorização e gestão de espécies invasoras e populações de pragas.

Ecosystem protection against nuisance animal populations
Management of riparian ecosystems and fish populations

2. Ordenamento dos ecossistemas ripícolas e das populações piscícolas

Inclui a investigação dos efeitos antrópicos sobre as matas ribeirinhas e as comunidades aquáticas, com ênfase nas populações piscícolas, tendo em vista o desenvolvimento de acções de requalificação da malha habitacional e do meio aquático. O estudo da estrutura e dinâmica da vegetação ripícola representa uma ferramenta importante para a gestão dos recursos hídricos e para a avaliação dos efeitos das alterações climáticas.

3. Serviços dos ecossistemas e sua avaliação económica

Esta linha estuda os trade-offs socioeconómicos que possibilitam direccionar actividades agrícolas e florestais para a conservação de espécies e habitats ameaçadas, desenvolvendo novos procedimentos de avaliação económica e tendo em conta os diferentes serviços dos ecossistemas.

Ecosystem services and their economic valuation